Entenda a diferença entre mentor, treinador, consultor e coach para concurso

Por: Equipe do Medula0 comentários

Conseguir a aprovação em um concurso público não é uma tarefa fácil, as provas são constantemente disputadas por candidatos que se preparam estrategicamente e, em alguns casos, por um longo tempo. Por isso, a busca por especialistas no tema está, cada vez mais, em alta.

Mas, quem procura por um Coach para concurso pode se surpreender ao descobrir que existem outras categorias de profissionais que entendem do assunto e que conseguem levar o estudante ao sucesso. O que se sabe é que nenhum deles vai estudar ou fazer a prova pela pessoa, mas por meio de técnicas e expertise, poderão fazer uma diferença substancial em seus resultados.

Afinal, qual é a diferença entre: Coach, Consultor, Mentor e Treinador para concursos? Para entender um pouco mais sobre as particularidades de cada uma dessas profissões, continue a leitura!

Qual é o papel do Coach?

O Coach não oferece respostas prontas, pelo contrário. Por meio de uma visão empática e técnica, elabora perguntas que ajudam uma pessoa a encontrar as respostas que precisa.

Isso quer dizer que, durante o processo de coaching, o Coach não estabelece previamente aquilo que o estudante precisa fazer, mas oferece reflexões que permitem que o estudante decida suas ações com eficiência.

Por definição técnica, o processo de coaching não exige que o Coach tenha passado pelo mesmo processo que será enfrentado pelo Coachee. Ou seja, tecnicamente, o Coach poderia conduzir um Coachee em um processo para a aprovação, sem nunca ter sido aprovado. Já que ele desempenha o seu trabalho através de estratégias das quais é especialista.

É claro que já ter sido aprovado, faz com que o Coach tenha mais clareza das perguntas a serem feitas para o estudante e pode ser um grande diferencial nesse processo.

Como o Consultor atua?

Um Consultor é aquele que conhece do processo de estudos e entrega um leque de opções para que o estudante escolha qual delas se encaixa melhor em seu perfil. Diferente do Coach, o Consultor precisa, obrigatoriamente, entender desse processo para poder dar as opções de ação para o estudante.

Portanto, a atuação do Consultor está muito ligada à experiência do Consultor para dar apoio e lapidação do processo de estudos. Ele apresenta o leque de ações e ajuda o estudante  a identificar as melhores possibilidades, em acordo com o seu contexto.

O que faz o Mentor?

O Mentor é o especialista que diz, exatamente, o que o estudante deve fazer. Portanto, diferente do Consultor, o Mentor não apresenta um leque de opções. Nesse caso, não há margens para escolhas, o estudante deve fazer o que o Mentor disser, sem questionamentos.

O processo é configurado dessa forma, pois o Mentor sabe cada detalhe do que precisa ser feito e, por meio de seus conhecimentos, entende que se as ações do estudante fugirem totalmente de suas recomendações, a aprovação pode não acontecer.

Quais são os diferenciais de um Treinador?

A aplicação dos métodos do Treinador vai além do trabalho do Coach, do Consultor e do Mentor. O Treinador é aquele que reúne a habilidade dos três especialistas citados acima, já foi aprovado em um concurso e pode utilizar cada uma das técnicas desses profissionais (ou as técnicas combinadas) em diferentes situações.

Dessa forma, o Treinador aplica métodos que permitem que o estudante aprenda e se desenvolva por meio de ferramentas fáceis, práticas e eficientes. Para entender um pouco mais os seus diferenciais, confira o resumo abaixo:

  • o Coach oferece reflexões para o estudante decidir suas ações nos estudos;
  • o Consultor apresenta opções para que o estudante escolha a que melhor se encaixa em seu momento nos estudos;
  • o Mentor diz exatamente o que o estudante deve fazer;
  • o Treinador é aquele que faz um aluno se transformar em um Estudante de Alta Performance, levando reflexões quando necessário, ensinando o que deve ser feito, mostrando opções para que o estudante caminhe com as próprias pernas e definindo ações objetivas quando necessário.

Como se percebe, dentre as opções apresentadas, o Treinador é aquele que oferece ao estudante uma combinação de estratégias mais completas.

Conheça Pedro Medula

Pedro Medula é considerado o maior Treinador de estudantes do Brasil, autor do MÉTODO EAP – Educação de Alta Performance, onde alunos são transformados em Estudantes de Alta Performance, através do desenvolvimento das habilidades técnicas e emocionais, que são potencializadas de uma maneira sólida e segura.

No MÉTODO EAP, o estudante possui a oportunidade de desenvolver diferentes competências. As competências técnicas são baseadas em seis pilares: planejamento, estudo de teoria, resolução de exercícios, correção aprofundada, revisões e provas. As competências emocionais são baseadas nos pilares de autoconfiança, disciplina, foco, relacionamento, controle de ansiedade e resiliência.

Qual dos especialistas escolher?

Agora que você entendeu quais são as principais diferenças entre o Coach, o Consultor, o Mentor e o Treinador, está na hora de decidir qual deles oferece serviços mais adequados aos seus objetivos.

Cabe observar que, existem necessidades diferentes, estratégias variadas e você precisa entender aquelas que atendem melhor às suas necessidades. Se você busca por um Coach para concurso, lembre-se de que exitem outras opções de serviço que podem acelerar sua aprovação.

Durante a escolha pelo profissional a ser contratado, avalie suas experiências, busque referências, olhe suas redes sociais, procure por depoimentos de pessoas que já tenham contratado seus serviços e estude os pormenores que realmente fazem sentido.

Se ainda tiver dúvidas, pergunte nos comentários. Se esse texto te ajudou, comente também! Ficamos felizes em poder ajudar! Nos vemos no próximo artigo. Ótimos estudos e tudo de melhor!

Deixe seu depoimento

Deixe uma resposta