ESTUDAR NÃO É TUDO! Qual o diferencial dos aprovados?

Por: Equipe do Medula0 comentários

LEIA ATÉ O FINAL, leia cada detalhe e veja se isso já aconteceu com você, total ou parcialmente.

Você decidiu estudar, ser aprovado. Comprou materiais e começou a estudar. Sabe que precisa estudar a teoria, fazer exercícios, corrigir, fazer revisões, simulados, provas. Tudo isso é lindo na teoria, mas na prática sente que tudo fica complicado e começa a não funcionar.

As matérias não terminam nunca e a impressão que dá muitas vezes é que isso não é para você. Sempre vem a velha pergunta: E aí, já passou? Parece que todo mundo aprende mais rápido e será aprovado, mas que sua vez nunca irá chegar. As pessoas não acreditam em você e acabam te perguntando como você estuda tanto mais não passou ainda. Nem resolve muitos exercícios para não errar. Vai fazer provas com medo e se sente incapaz e começa a pensar que nunca será aprovado. Você precisa de mais AUTOCONFIANÇA.

Você decide estudar, faz planejamentos que parecem perfeitos, olha para si mesmo e diz: “AGORA VAI! VOU ESTUDAR COMO NUNCA E SEREI APROVADO!” Aí, de repente, você percebe que não cumpriu o planejamento. Até estudou alguns dias, mas deu prioridade para uma coisa aqui, outra ali e quando viu já estava vacilando forte e perdeu um dia todo. De repente perdeu uns dois ou 3 dias na semana. Quando menos percebeu já estava atrasando todo o planejamento. Você precisa de mais DISCIPLINA.

Você separa o seu material, senta para estudar, está motivado, sabe que precisa aprender, começa a estudar mas de repente, quando menos espera, você está no WhatsApp vendo vídeos de zoeira, dando uma olhada no Instagram, marcando os amigos em sorteios, assistindo Netflix, ou apenas “descansando”, afinal você tem eu cuidar da “Saúde Mental”. Em resumo, você senta para estudar, mas quando menos espera está fazendo outras coisas nada a ver. Você precisa de mais FOCO.

Você está dedicado, estudando como nunca, mas as pessoas ao redor começam a dizer que você está chato. Te chamam para sair nos horários de estudo. Não entendem o seu momento. Amigos, família, namorados dizem que apoiam, mas na prática ficam dizendo que você está exagerando. Você até tenta, mas não te entendem. Muitas vezes esses problemas acabam prejudicando seus estudos e te deixam mal.  Você precisa melhorar seus RELACIONAMENTOS.

Você olha para sua idade e vê que está ficando velho. Olha para sua vida e vê que não está como deveria. Parece que todo mundo já resolveu a vida, só você que ainda está mal. Não aguenta mais estudar. Vai chegando a prova e o nervosismo toma conta. Quer que o sofrimento da vida de estudante acabe logo para você viver a vida depois de ser aprovado. Não aguenta mais ficar com essa vidinha que tem hoje e as vezes nem consegue estudar pensando na vida depois da aprovação. Você precisa diminuir sua ANSIEDADE.

Você tem dificuldades. Tem pouco tempo para estudar. Não tem o dinheiro que gostaria. Entende tudo na teoria, mas erra exercícios. Estuda como nunca estudou, mas reprova. Todas as vezes que reprova tem o sentimento de frustração, de que não adiantou nada ter tanta dedicação para ser reprovado. A vontade que te dá é tentar alguma coisa mais fácil ou desistir disso tudo, afinal nunca dá certo mesmo. Você precisa aumentar sua RESILIÊNCIA.

As situações acima relatadas mostram claramente como ter os materiais, saber técnicas e sentar a bunda na cadeira por horas todo dia não são os únicos fatores que influenciam em uma aprovação.

Sentar para estudar muito é o óbvio. Saber técnicas para estudar melhor é um passo quase obrigatório com a atual concorrência. Ter CONTROLE EMOCIONAL é o GRANDE DIFERENCIAL dos APROVADOS.

Aliás, controle emocional é o grande diferencial de todas as pessoas de Sucesso. Seja nos estudos, nos esportes, nos negócios ou na vida. Nos esportes, por exemplo, é fácil perceber quando um time ou um atleta fica desestabilizado emocionalmente e acaba perdendo a concentração e não rende como deveria. As técnicas desse atleta não mudaram, mas seu estado emocional não permitiu que ele desempenhasse como poderia e deveria.

Nos estudos é assim também. Habilidades Técnicas, são o mínimo que você precisa ter, desenvolver o Controle Emocional é o que consolida sua aprovação!

O Controle Emocional vai além da matéria que você estuda. AUTOCONFIANÇA, que garante seu desempenho. DISCIPLINA para manter o ritmo de estudos. FOCO, quando tudo parece ir contra seu planejamento. RELACIONAMENTOS, que são a estrutura social da qual ninguém se isola completamente, todos tem amigos, família ou companheiros. ANSIEDADE, que precisa ser controlada. RESILIÊNCIA, que te mantém firme em momentos de dificuldade, como reprovações.

Milhares de estudantes reprovam por não terem controle emocional. Não conseguem estudar direito no dia a dia e não conseguem fazer boas provas. Quando alguém sente isso na pele e tende a reclamar, muitos dizem que é frescura, basta sentar e estudar, mas não entregam soluções. 

Não é um tema simples e quase ninguém fala disso (até por não terem competência para tanto), as pessoas acham que é só sentar e estudar, nos cursinhos você escuta isso, professores falam isso, seus pais e amigos pensam assim, todo mundo só te diz: “SENTA E ESTUDA”. É preciso sentar e estudar? ÓBVIO! Isso é FUNDAMENTAL para ser aprovado, mas as pessoas agem como se não houvesse mais nada além disso, como se você fosse uma máquina. Você é uma pessoa normal, tem sentimentos, tem dificuldades, frustrações e angústias.

Este artigo foi para te mostrar que você não é maluco nem fraco por passar por essas situações, a maioria dos de estudantes passa por isso e nem sabe. A parte boa é que é possível melhorar!

Milhares de alunos todos os anos me procuram buscando saber Técnicas de Estudo (que ensino também), evoluem muito quando aprendem as técnicas, mas logo percebem que precisam de mais do que isso. Rapidamente entendem o motivo de eu dedicar tanto do meu tempo alertando sobre este tema e treinando estudantes para ter CONTROLE EMOCIONAL.

Se você quiser CONFIAR MAIS EM SI MESMO, ser mais DISCIPLINADO, ter mais FOCO, melhorar seus RELACIONAMENTOS e ter mais RESILIÊNCIA, vou ficar muito feliz em te ajudar no: CONTROLE EMOCIONAL PARA ESTUDANTES.

Não há vergonha nenhuma em ter dificuldades, a pergunta que fica é: “o que você vai fazer para melhorar?”

 

Pedro Medula

Deixe seu depoimento

Deixe uma resposta